Querido (a) visitante

Este é o meu espaço onde compartilho com você mensagens bíblicas e publicações diversas.

Deus seja exaltado em todas as coisas que fazemos!

terça-feira, 21 de dezembro de 2010

O PODER DO EXEMPLO

Paulo escreveu duas cartas à Timóteo e uma para Filemom e algo nos chama a atenção nessas cartas: os verbos sempre estão no imperativo, como, por exemplo: “Combata o bom combate”, “Exercite-se na piedade”, “Fortifique-se na graça”, “Pregue a palavra”, "...sê o exemplo , etc.

Em 1 Tm 4.12, Paulo escreve à Timóteo:   "...sê o exemplo dos fiéis na palavra, no procedimento, no amor, na fé, na pureza”. Tendo em vista que a palavra EXEMPLO extraída do grego, significa: modelo, imagem, ideal, padrão, podemos perguntar à nós mesmos: EM QUE DEVO SER EXEMPLO?      O próprio apóstolo Paulo trás a resposta para essa indagação quando expressa a verdadeira conduta do servo de Deus, dizendo que devemos ser exemplo:

I – Na palavra:

Muitas vezes não damos importância às nossas palavras e falamos aleatoriamente tudo quanto nos vem à boca. Seja em casa, com os amigos, na igreja, com as pessoas que não professam a mesma fé que professamos, etc., o que falamos é que vai determinar o tipo de cristianismo que pregamos. No decorrer do dia corremos o sério risco de envergonhar o Evangelho, de escandalizar a fé que pregamos, de conduzir pessoas para longe de nós ou até quem sabe, matar alguém na fé, na esperança ou na amizade. Jesus falando ao povo disse: Lc. 6.45 O homem bom, do bom tesouro do seu coração tira o bem e o homem mau, do mau tesouro do seu coração tira o mal, porque da abundância do seu coração fala a boca”. Você já parou para analisar o tipo de tesouro que há no seu coração? Certa vez alguém disse: "o quer vamos dizer às pessoas vai sair do estoque do nosso coração". E isto nos faz pensar: O que tenho estocado em meu coração ao longo de minha existência? Será mágoas, ressentimentos, frustrações ou a humildade adquirida através das experiências que os anos forjaram em nosso caráter? O estoque do nosso coração é que vai determinar nosso tipo de conversa, ou seja, é o que vai qualificar as nossas palavras! Isto nos faz lembrar de Mt.12.36, 37, Mas vos digo que de toda palavra que os homens disserem hão de dar contas no dia do juízo. Porque por tuas palavras serás justificado e por tuas palavras serás condenado.”  É recomendável então, que façamos um balanço do que falamos, conversamos, xingamos ou abençoamos no decorrer do dia...
        
Um outro assunto pontuado pelo apóstolo Paulo em seu conselho à Timóteo acerca de uma vida de exemplo é:

 II – No Trato (procedimento):


        Em outras palavras, Paulo dizia que a nossa conduta é que vai delinear se estamos agradando a Deus ou não, como está escrito: Col.1.10 “para que possais andar dignamente diante do Senhor, agradando-lhe em tudo, frutificando em toda a boa obra e crescendo no conhecimento de Deus”. Se tratarmos o próximo com indiferença, com desdém, com acepção de pessoas estaremos envergonhando o Evangelho ao invés de frutificar na obra e crescer no conhecimento.  Em 1 Tes. 3.7 “Convém, também, que tenha bom testemunho dos que estão de fora, para que não caia em afronta e no laço do diabo”. Esse "bom testemunho" (boa conduta ou procedimento) reporta ao que os outros de fora (aqueles que ainda não receberam a Cristo como Salvador), falam ou pensam a nosso respeito, isto é, se desejam ou não ser como somos e fazer o que fazemos! Está escrito: 1 Tes. 4.11,12 “e procureis viver quietos e tratar dos vossos próprios negócios e trabalhar com vossas próprias mãos, como já vo-lo tenho mandado. para que andeis honestamente para com os que estão de fora e não necessiteis de coisa alguma”. A nossa conduta vai testificar para o bem ou para o mal quem somos em Cristo. Se vivermos de acordo com o Evangelho, seremos parecido com Cristo.
        
Na seqüência da resposta de Paulo à Timóteo no qeu tange a uma vida de exemplo cristão, veremos a seguir:

III – Na caridade (amor na prática):
    
Pensando sobre este assunto, verificamos que na Bíblia o amor não é um sentimento, mas sim, um mandamento! Gal. 5.14 "Pois toda a lei se cumpre numa só palavra, a saber: Amarás ao teu próximo como a ti mesmo". Na versão da Bíblia Viva, encontramos 1 Jo 3.18 traduzido da seguinte forma: "Filhinhos, deixemos de dizer apenas que amamos as pessoas; vamos amá-las realmente e mostrar isso pelas nossas ações". Isto quer dizer que o amor está longe da esfera do sentimento abstrato e calcado nas nossas atitudes: Rm. 12.09, 10  “o amor seja não fingido. Aborrecei o mal e apegai-vos ao bem. Amai-vos cordialmente uns aos outros com amor fraternal, preferindo-vos em honra uns aos outros”. Esse é o tipo de amor que envolve a atitude de: não empurrar na fila, não sair correndo pra ser o primeiro , não desprezar o próximo + sim: "preferindo-vos em honra uns aos outros”.

A preocupação de Paulo não se limitava apenas aos que "estão de fora", mas também, no convívio diário com nossa família e com a Igreja:

IV – No espírito (na comunhão):

Na condição de Família e Igreja devemos ter a mesma visão, o mesmo sonho, o mesmo objetivo (claro que dentro deste contexto cada um traz consigo suas particularidades, mas sem deixarmos de ser o "todo"). Paulo enfatizou em 1 Co. 1.10,11 “Rogo-vos pois irmãos, pelo nome do Senhor Jesus Cristo, que digais todos uma mesma coisa e que não  haja em vós dissensões, antes sejais unidos em um mesmo sentido e em um mesmo parecer.Porque a respeito de vós, irmãos meus,  me foi comunicado pelos da família de Cloé,  que há contendas entre vós”. Não podemos viver com contendas pelos cantos, isso é divisão, facção, inimizade... e é o que temos visto, principalmente quando com tristeza assistimos pastores e líderes digladiando-se nos programas de televisão, na Internet e até mesmo em púlpitos! Usando as palavras de Jesus: Mt.12.25 “Todo reino dividido contra si mesmo é devastado; e toda cidade, ou casa, dividida contra si mesma não subsistirá". Parece tão difícil para as pessoas entenderem que as contendas enfraquecem o "corpo" seja ele familiar ou espiritual e que o Evangelho autêntico apregoa: Ef. 4.3 "Procurando guardar a unidade do Espírito pelo vínculo da paz".  Sem comunhão uns com os outros é vã a nossa pregação, é falso o nosso testemunho, é nula a nossa fé!

Dando continuidade às palavras de Paulo no verso em destaque no início desta mensagem, outro ponto salutar no conselho do apostolo à Timóteo é ser exemplo:

V – Na Fé:

Devemos ser EXEMPLO na fé. Mas, que fé? Hoje, virou moda dizer que não podemos ser taxativos achando que somente os evangélicos serão salvos, afinal, segundo alguns: "Todos os caminhos levam a Deus" ou "Não importa sua religião o Deus é o mesmo". Porém, as coisas não são bem assim! Paulo escreveu em 1 Co 8.6 “todavia para nós há um só Deus, o Pai, de quem são todas as coisas e para quem nós vivemos; e um só Senhor, Jesus Cristo, pelo qual existem todas as coisas, e por ele nós também". Isto nos leva a entender, que não podemos adorar a ninguém que não seja "Deus", isto é, imagens, coisas, pessoas, etc. Temos que ser exemplo na fé, ou seja, saber em quem temos crido e pregar a nossa fé! Que tipo de fé? Ora, a que pregamos e CREMOS:
  • Em um só Deus, eternamente subsistente em três pessoas: o Pai, o Filho e o Espírito Santo, Dt. 6.4; Mt. 28.19; Mc. 12.29.
  • Na inspiração verbal da Bíblia Sagrada, única regra infalível de fé normativa para a vida e o carácter cristão, 2 Tm. 3.14-17.
  • No nascimento virginal de Jesus, em Sua morte vicária e expiatória, em Sua ressurreição corporal dentre os mortos e sua ascensão vitoriosa aos céus, Is. 7.14; Rm. 8.34; At. 1.9.
  • Na pecaminosidade do homem que o destituiu da glória de Deus, e que somente o arrependimento e a fé na obra expiatória e redentora de Jesus Cristo é que o pode restaurar a Deus, Rm. 3.23; At. 3.19.
  • Na necessidade absoluta do novo nascimento pela fé em Cristo e pelo poder atuante do Espírito Santo e da Palavra de Deus, para tornar o homem digno do reino dos céus, Jo. 3.3-8.
  • No perdão dos pecados, na salvação presente e perfeita e na eterna justificação da alma recebidos gratuitamente de Deus pela fé no sacrifício efectuado por Jesus Cristo em nosso favor, At. 10.43; Rm. 10.13; 3.24-26; Hb. 7.25; 5.9.
  • No batismo bíblico efectuado por imersão do corpo inteiro uma só vez em águas, em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo, conforme determinou o Senhor Jesus Cristo, Mt. 28.19; Rm. 6.1-6; Cl. 2.12.
  • Na necessidade e na possibilidade que temos de viver uma vida santa mediante a obra expiatória e redentora de Jesus no Calvário, através do poder regenerador, inspirador e santificador do Espírito Santo, que nos capacita a viver como fiéis testemunhas do poder de Cristo, Hb. 9.14; 1 Pe. 1.15.
  • No baptismo bíblico com o Espírito Santo que nos é dado por Deus mediante a intercessão de Cristo, com a evidência inicial de falar em outras línguas, conforme a Sua vontade, At. 1.5; 2.4; 10.44-46; 19.1-7.
  • Na actualidade dos dons espirituais distribuídos pelo Espírito Santo à Igreja para sua edificação, conforme a Sua soberana vontade, 1 Co. 12.1-12.
  • Na segunda vinda premilenal de Cristo, em duas fases distintas. Primeira - invisível ao mundo, para arrebatar a Sua Igreja fiel da terra, antes da grande tribulação; segunda - visível e corporal, com Sua Igreja glorificada, para reinar sobre o mundo durante mil anos, 1 Ts. 4.16,17; 1 Co. 15.51-54; Ap. 20.4; Zc. 14.5; Jd. 14.
  • Que todos os cristãos comparecerão ante ao tribunal de Cristo, para receber a recompensa dos seus feitos em favor da causa de Cristo na terra, 2 Co. 5.10.
  • No juízo vindouro que recompensará os fiéis e condenará os infiéis, Ap. 20.11-15.
  • Na vida eterna de gozo e felicidade para os fiéis e de tristeza e tormento para os infiéis, Mt. 25.46
Sê exemplo na fé pregada por Jesus e ensinada pelos apóstolos!

 Concluindo o conselho de Paulo à Timóteo: "...sê o exemplo dos fiéis na palavra, no procedimento, no amor, na fé..." e:

VI– Na Pureza (simplicidade):

 Muitos tem perdido a simplicidade! Em 2 Co 11.3  diz: "Mas temo que, assim como a serpente enganou a Eva com a sua astúcia, assim também sejam de alguma sorte corrompidos os vossos entendimentos e se apartem da simplicidade  que há em Cristo".  Vivemos dias em que cada um quer ser mais que o outro, quer saber mais que o outro; quer ter mais que o outro. Mas o Evangelho é SIMPLICIDADE! E segundo o dicionário da Língua Portuguesa, SIMPLICIDADE significa "Ausência de complicação: simplicidade de raciocínio; naturalidade, ao falar ou  escrever; Ingenuidade, candura". Descrevendo com nossas palavras é "ser você mesmo". Não queira transparecer alguém que você não é. Seja transparente, melhor dizendo, não seja nem melhor e nem pior do que os outros - seja apenas você! Seja alguém que fala com naturalidade, isento de malícias e que procura não complicar as coisas.

Este foi o conselho que Paulo deixou à Timóteo e à Igreja do Senhor Jesus Cristo!
 

                                                               por Rose Prado



sexta-feira, 17 de dezembro de 2010

OREMOS por nossos irmãos que sofrem!



A Organização da Conferência Islâmica, que compreende 57 países, sendo a maioria
 de população muçulmana, apresentará mais uma vez a Resolução da Difamação da 
Religião na Assembleia Geral das Nações Unidas, em dezembro deste ano.

Essa resolução:
- dá ao governo o poder para determinar quais visões religiosas podem ou não 
podem se expressar nesses países;
- dá ao Estado o direito de punir aqueles que expressam posições religiosas
 “inaceitáveis”, de acordo com o que eles acreditam;
- torna a perseguição legal;
- visa criminalizar palavras e ações consideradas contra uma religião em particular, 
nesse caso, o Islã.
- tem o poder de estabelecer legitimidade internacional para leis nacionais que
 punem a blasfêmia ou, por outro lado, proíbem críticas à religião.

Muitos países apoiaram essa resolução no passado, mas alguns agora estão
 mudando de ideia. A Portas Abertas Internacional realizou uma campanha global
 para recolher assinaturas que demonstrassem que milhares de pessoas são
contra essa resolução. Aqui no Brasil, mais de 65 mil pessoas levantaram suas
 vozes em favor dos que são perseguidos por causa de sua fé.
Muito obrigado a todos que participaram! Vamos continuar orando para que 
essas mobilizações não tenham sido em vão, e para que a resolução seja 
rejeitada.
Dizemos SIM à liberdade religiosa!

» O abaixo-assinado global:
A Portas Abertas Internacional realizou uma campanha global para 
recolher assinaturas que demonstrassem que milhares de pessoas são 
contra essa resolução. Aqui no Brasil, mais de 65 mil pessoas levantaram 
suas vozes em favor dos que são perseguidos por causa de sua fé.
Muito obrigado a todos que participaram! Vamos continuar orando para 
que essas mobilizações não tenham sido em vão, e para que a resolução 
seja rejeitada.
Dizemos SIM à liberdade religiosa!
» Declaração dos direitos humanos:
Eu acredito que "todos têm direito à liberdade de pensamento, de consciência
 e de religião. Este direito inclui o direito à liberdade de ter uma religião ou
 quaisquer convicções de sua escolha, assim como a liberdade de 
manifestar sua religião ou suas convicções individualmente ou coletivamente,
 tanto em público como em particular, mediante o culto, a observância, a
 prática e o ensino" (Declaração dos Direitos Humanos, Artigo 18).

Uzbequistão:
Ore:
• Para que os novos convertidos que estão sob pressão para voltar ao islã 
tenham perseverança;
• Para que os líderes da Igreja uzbeque permaneçam fieis a despeito de toda 
oposição;
• Louve a Deus porque muitos cristãos uzbeques estão compartilhando o 
evangelho. Ore para que a Igreja continue a crescer.

Afeganistão:
Ore:
• Pela segurança dos cristãos afegãos que tiveram sua fé revelada;
• Para que os cristãos secretos no Afeganistão tenham acesso à Palavra
 de Deus por meio de programas de TV e rádio via satélite;
• Por paz, estabilidade e liberdade de religião nessa região tão problemática.

Egito:
Ore:
• Por força e proteção para os cristãos egípcios que enfrentam violência
 e ameaças de morte;
• Por sabedoria e coragem para os líderes da Igreja no Egito que trabalham
 no apoio aos muçulmanos convertidos;
• Por mudança da lei egípcia para estabelecer verdadeira liberdade religiosa.

Nigéria:
Ore:
• Por conforto e cura para os cristãos nigerianos que perderam seus familiares 
ou foram feridos por conta da violência religiosa;

• Por força, para que os cristãos consigam perdoar seus perseguidores e 
compartilhar o amor de Cristo com eles;
• Por sabedoria e coragem aos líderes da Igreja nigeriana que enfrentam
 oposição de extremistas islâmicos.


Queridos irmãos, a comoção não 
muda as circunstâncias, mas "a oração
 de um justo pode muito em seus efeitos"
         Tiago 5.16

O S   
por nossos irmãos que sofrem!



quinta-feira, 16 de dezembro de 2010

Criação do Conselho Nacional de Combate à Discriminação - Avanço da Causa Homossexual


Estratégia do PLC 122 não passou no dia 9 deste mês, porque os ativistas gays foram pegos com a “boca na botija”. Mas nenhum deles está chorando ou reclamando. Por que? No mesmo dia 9, sem que ninguém percebesse, Lula criou o Conselho Nacional de Combate à Discriminação exclusivamente para avançar a agenda gay.

O Congresso Nacional está recebendo muitos e-mails sobre a votação do PLC 122/2006 nesta semana. Devido às denúncias das manobras, o projeto anti-“homofobia” não foi avançado no dia 8 ou 9 deste mês na Comissão de Direitos Humanos e Participação Legislativa do Senado.No entanto, em 9 de dezembro de 2010 o presidente Lula criou, por meio de decreto presidencial, o Conselho Nacional de Combate à Discriminação. Outra medida do governo foi estender beneficios da Previdência a casais homossexuais. Agora eles têm direito a pensão. Os conselheiros, deverão ser indicados no prazo de 90 dias.

Veja o  Decreto completo Aqui

Fontes: Julio Severo

quarta-feira, 15 de dezembro de 2010

Provérbios em Inglês

 Provérbios  e Dizeres Populares na Língua Inglesa.  Espero que gostem! 

1. Easy come, easy go. {O que vem fácil, vai fácil.}

2. If you can’t beat them, join them. {Se não pode com eles, junte-se a eles.}

3. Life begins at forty. A vida começa aos quarenta.

4. Two heads are better than one. {Duas cabeças pensam melhor do que uma.}

5. You live and learn. {Vivendo e aprendendo.}

6. Money isn´t everything. {O dinheiro não é tudo.}

7. Rob Peter to pay Paul. {Descobrir um santo para cobrir outro.}

8. Scratch my back and I´ll scratch yours {Uma mão lava a outra.}

9. The more you get, the more you want. {Quanto mais se tem, mais se quer.}

10. United we stand, divided we fall. {A união faz a força.}

11. You can’t please everyone. {Não se pode agradar a todos.}

12. An empty bag won´t stand. {Saco vazio não para em pé.}

13. Don´t put the cart before the horse. {Não coloque a carroça na frente dos bois.}

14. Don't put your foot in your month. {Não troque os pés pelas mãos.} 




Fonte: http://www.englishexperts.com.br

HALLOWEEN - 31 de Outubro

HALLOWEEN - OCTOBER, 31st

                                                                 ORIGEM
    
Existem diversas versões para a origem da festa do Dia das Bruxas. Uma delas diz que, antigamente, as pessoas acreditavam que fantasmas apareciam na noite anterior ao Dia de Todos os Santos ("Hallow’s Day", em inglês), para bagunçar a comemoração.
Outra envolve a chegada dos irlandeses, os ingleses e os escoceses na América do Norte, por volta de 1800. Eles teriam levado a tradição do Halloween, que conquistou principalmente as crianças americanas e, depois, as do mundo inteiro. A festa era chamada de Samhain, que significa "fim do outono".
Nasceu com uma lenda dos druidas, sacerdotes dos celtas, povo que habitava a Inglaterra por volta do ano 200 a.C. Na noite de 31 de outubro, segundo eles, todas as bruxas, demônios e espíritos dos mortos se reúnem para uma grande festa. O medo que a comemoração causava foi sendo esquecido e ela se transformou numa grande folia para a garotada.
Nos Estados Unidos, o Dia das Bruxas é chamado de "Halloween", adaptação da frase celta "all hallow eze", que quer dizer "noite de todos os santos".
Vestindo fantasias, as crianças batem de porta em porta perguntando: "Tricks or Treats?" ("Travessuras ou Gostosuras?").

A ABÓBORA ASSOMBRADA 


A abóbora assombrada O enfeite mais famoso da festa do Dia das Bruxas veio de uma antiga lenda irlandesa. Contavam que um homem chamado Jack, depois que morreu, ficou vagando pelo mundo com uma lanterna feita de nabo com um pedaço de carvão aceso dentro. As pessoas, então, colocavam lanternas de vegetais nas portas e nas janelas das casas para afugentar Jack e outros espíritos maus nas noites de Halloween. O costume de usar abóboras surgiu depois que a festa chegou nos Estados Unidos.


CORES


LARANJA => cor da vitalidade e da energia que gera força. Os druidas acreditavam que nesta noite, passagem para o Ano Novo, espíritos de outros planos se aproximavam dos vivos para vampirizar a energia vital encontrada na cor laranja.
PRETO => cor sacerdotal das vestes de muitos magos, bruxas, feiticeiras e sacerdotes em geral. Cor do mestre.
ROXO => cor da magia ritualística.



SÍMBOLOS 

  • ABÓBORA=> simboliza a fertilidade e a sabedoria: indica os caminhos para os espíritos do outro plano astral.
  • CALDEIRÃO => fazia parte da cultura - como mandaria a tradição. Dentro dele, os convidados devem atirar moedas e mensagens escritas com pedidos dirigidos aos espíritos.
  • VASSOURA => simboliza o poder feminino que pode efetuar a limpeza da eletricidade negativa. Equivocadamente, pensa-se que ela servia para transporte das bruxas.
  • MOEDAS => devem ser recolhidas no final da festa para serem doadas aos necessitados.
  • BILHETES COM PEDIDOS => devem ser incinerados para que os pedidos sejam mais rapidamente atendidos, pois se elevarão através da fumaça.
  • ARANHA =>  simboliza o destino e o fio que tecem suas teias, o meio, o suporte para seguir em frente.
  • MORCEGO => simbolizam a clarividência, pois que vêem além das formas e das aparências, sem necessidades da visão ocular. Captam os campos magnéticos pela força da própria energia e sensibilidade.
  •  SAPO => está ligado à simbologia do poder da sabedoria feminina, símbolo lunar e atributo dos mortos e de magia feminina.
  • GATO PRETO => símbolo da capacidade de meditação e recolhimento espiritual, autoconfiança, independência e liberdade. Plena harmonia com o Unirverso.

EXPRESSION:
TRICKS OR  TREATS?  
(Gostosuras ou Travessuras?) 


NÃO COMEMORE O HALLOWEEN!!!

 PRINCIPAl: GUIA DOS CURIOSOS. Postado por Jhenifer Inocêncio EM http://englishcultureandcuriosities.blogspot.com/2010/10/halloween-october-31st.html#

O B S E R V A Ç Ã O

Mais do que simples travessuras ou doces, Halloween, nos traz a verdadeira versão da tradicional festa norte-americana, comemorada no dia 31 de outubro. Na verdade, o dia das bruxas não passa de uma festa pagã, em sua origem e prática, e significa uma das datas mais importantes para os adeptos da igreja satânica. 


Muitos bruxos, satanistas e adoradores do diabo se preparam, durante todo o ano para estas festividades. Além de ser considerada por eles, o aniversário de satanás, é o dia ideal para fazer sacrifícios humanos e pactos satânicos. No período de 15 dias antes da data de 31 de outubro e 15 dias após os seguidores do diabo sacrificam pessoas, confiados na promessa de que alcançarão mais poder e prosperidade. Conforme as estatísticas, inclusive as do FBI, nos meses de agosto, setembro e outubro acontecem várias atrocidades, inclusive o desaparecimento de crianças do mundo inteiro, principalmente nos EUA. 



A autora do livro "Satanás Escondido" conta que uma destas comemorações de Halloween, tentaram introduzi-la em um ritual satânico e pediram que sacrificasse uma criança recém-nascida. Neste mesmo livro, ela relata que muitas das moças desaparecidas nos meses de março e abril, são usadas para a procriação, e seu fetos sacrificados na época do Halloween. Os moradores de Anaheim, CA, também sabem e sentiram os efeitos desta Convenção de Satanás. A própria policia da cidade pede aos crentes que tomem algum tipo de providência, pois reconhecem que do Centro de Convenções de Bruxos, emana uma onda de violência e maus presságios. Os bruxos e adoradores do diabo não perdem tempo. Eles traçam metas horríveis para combater os cristão como, por exemplo, a destruição de 60 mil famílias por ano. Fora isso, trabalham incansavelmente, para que milhares de jovens e crianças sejam envolvidas e aprisionados pelas drogas, prostituição e violência, confirmando algumas histórias da dramaturgia cinematográfica americana. 

                                                                    * * * * *

Não podemos deixar que se torne comum "festas e práticas" que ferem a nossa fé e a nossa comunhão com Deus. Sabemos que atualmente no Brasil as escolas estão adotando o dia 31 para comemoração do Halloween... instrua seu filho sobre este mal!  Rose Prado